A história do Jeans

Peça mais democrática do mundo fashion, o JEANS é item clássico do guarda-roupa. O Brasil fabrica todos os meses cerca de 25,7 milhões de metros de denim, o tecido usado para fazer o jeans. Esse setor fatura anualmente cerca de R$ 4 bilhões e o país é o segundo maior produtor do mundo, atrás apenas da China. Os números são grandiosos e indícios do status universal, atemporal e popular do jeans.

jeansh5

Recentemente a empresa Lycra encomendou pesquisa sobre o consumo do produto no Brasil. O resultado foi meio óbvio, mas ainda assim surpreendente, diante da constatação de que a maioria dos brasileiros quando abre o guarda-roupa tem a impressão de só visualizar jeans. jeansh6As roupas feitas da inconfundível trama azul são uma preferência nacional: segundo o levantamento do Ibope feito com 1.000 pessoas em dez diferentes cidades, o brasileiro tem em média nove calças jeans. Quarenta e seis por cento dos entrevistados vestem jeans todos os dias. A média de uso é cinco vezes por semana. Mesmo no Nordeste, onde as temperaturas são mais altas, o jeans parece ser a roupa favorita das pessoas.

História do Jeans

Quando surgiu, o jeans era uma peça sem variação, com destino bem definido. Criada no Meio-Oeste americano, durante a corrida do ouro (foi patenteada em 1873), a peça feita de denim e com a costura reforçada por rebites de metal era o uniforme perfeito para os mineradores. Sua popularização se deu após a Segunda Guerra Mundial, quando as calças azuis desgastadas pelo uso tornaram-se símbolo de contestação juvenil, imortalizadas por James Dean no filme Juventude transviada, de 1955. O primeiro estilista a colocar os jeans na passarela foi Calvin Klein já na década de 1970. (fonte: Revista Época e wikipedia)

jeans: uniforme dos mineradores americanos

jeansh2James Dean, Marlon Brandon e Elvis Presley jeansh3

@claratorres apresentadora. fashion branding. jornalista de moda.

3 comentários Adicione o seu

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s