figurino | Meia Noite em Paris

Sabe quando você assiste a um filme e se pega indicando para várias pessoas logo depois? Pois é, “Meia-Noite em Paris” (Midnight in Paris), despertou essa vontade. Mas tá: junta roteiro e direção de Woody Allen, Paris como fotografia, elenco afinado e trilha sonora impecável… Não dá em outra!

midnight (3) midnight (2) midnight (1)

No filme Owen Wilson interpreta Gil, roteirista de Hollywood que está passando férias em Paris com a família da noiva, Inez (Rachel McAdams). Gil adora voltar à Cidade Luz, onde se reconecta com a “grande arte”. Seu sonho era viver nos anos 1920, quando F. Scott Fiztgerald, Ernest Hemingway e Pablo Picasso circulavam por ateliês e cafés da cidade. E o personagem misteriosamente realiza esse sonho… No fim das contas, eis a mensagem final para instigar a quem ainda não viu: “a arte não deve ser ostentada, mas experimentada”, “não se deve abdicar da vida em nome da arte”, e o mais importante: por melhor que o passado tenha sido, o presente deve ser encarado como um momento ainda melhor – porque é o instante das possibilidades.

midnight1 (1) midnight1 (2) midnight1 (3)

Outra coisa que vale a pena observar é o FIGURINO, ma-ra-vi-lho-so! A frente do trabalho, a figurinista Sonia Grande, que em entrevista ao Hollywood Reporter deu algumas lições de como é o trabalho de criar a identidade de um personagem através do vestuário: “As coisas devem parecer espontâneas, mas na verdade são muito pesquisadas. (…) Ao se preparar para um filme, você não escolhe um look individual. Você estuda a evolução de cada um dos personagens, suas ações, jornadas físicas e emocionais. Você não pensa exatamente a moda como uma ferramenta, um instrumento, mas como um recurso de comunicação”. Sobre a relação com Woody Allen: “Não conheço nenhum grande diretor que não tenha um forte interesse pelos figurinos de seus filmes. Obviamente, Woody não é uma exceção”.

Em Meia-Noite em Paris, Sonia teve que capturar a moda de duas épocas bem distintas – e o fez de forma impecável, especialmente através das duas protagonistas:

Rachel McAdams (Inez)Personagem que vive em um mundo rico e privilegiado.”Ela tem bom gosto que vem do fácil acesso a informação, capacidade econômica e refinamento – reconhece perfeitamente as tendências da moda. (…) Inez é uma das garotas que passa do casual ou chic dependendo das circuntâncias. Ela conhece o valor das marcas e sabe como combiná-las casualmente”. As marcas que a personagem usou? Chanel, Hermes, Isabel Marant, Chopard e Dior. Um visual jovem, mas com personalidade: muitas camisas acinturadas com cinto, sandálias de plataforma, óculos aviador, chemisiers.

midnight2 (3) midnight2 (2)

midnight3 (2) midnight3 (1) midnight3 (1)

midnight2 (4) midnight2 (1)

Marion Cotillard (Adriana)Adriana é a personagem que Gil (Wilson) conhece no “mundo dos sonhos”, nos anos 1920. Ela é o oposto de Inez. Adriana é romântica, idealista, feminina e sonhadora, mas também refinada – uma musa delicada para artistas e intelectuais dos anos 20. “As peças do figurino foram encontradas em uma incansável procura metade “brechós-antiquários” em Paris, Londres, Madrid, Buenos Aires”.

midnight4 (5) midnight4 (1) midnight4 (2) midnight4 (4) midnight4 (1) midnight4 (3)

Ah, não é a primeira vez que Sonia Grande trabalha com Woody Allen – ela está nos créditos de “Vicky Cristina Barcelona”… Além da comédia romântica Simplesmente Complicado (de Nancy Meyers) – o filme é uma delícia e o figurino extremamente coerente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s